feed, noticias, facebook, timeline,

Facebook: mais que uma rede social

Todo o dia, milhares de pessoas fazem login na rede social e visualizam o feed de notícias conforme as páginas e pessoas que seguem publicam e compartilham. Sem falar que ali no meio de cada publicação existe aquele anúncio que está escrito “patrocinado”, uma publicação propaganda exibida para você com base nas páginas que curtiu.

Além do feed de notícias

Já falamos anteriormente sobre como a rede social te entende com base nas curtidas que você dá nas publicações que são exibidas. Você pode ver mais em – O poder do like na internet

Mas o foco deste post não é falar sobre a timeline em si, mas sim, o poder do Facebook que vai muito além disso.

Uma pessoa sem grandes conhecimentos apenas faz login na rede social, lê as notícias que os amigos compartilham e joga Candy Crush, além claro, de te enviar solicitações que incomodam (e muito) as pessoas que não se interessam pelo jogo.

Mas tem aquelas pessoas que usam o Facebook como um meio de negócio. Estas tem um conhecimento maior, pois precisam entender mais sobre marketing e publicidade para ter um maior publico-alvo e conseguir mais curtidas.

Alguns criam uma página apenas para conseguir curtidas, com intenção de entretenimento, enquanto que outros usam para levar a sério, como um meio para vender e expandir a influência na rede social.

É para esta e outras coisas que o Facebook se prepara. Você pode se limitar a ponto de apenas fazer publicações na página, e às vezes impulsionar a publicação, ou ver algo que o Facebook oferece e você nunca soube.

Sim, o Facebook vai além de apenas imagens, vídeos e textos numa postagem. Apresento aqui o Facebook Business ou Facebook para empresas.

Empresas, sejam elas grandes ou pequenas precisam de recursos mais sólidos, mais eficazes. Mesmo impulsionar publicações pode ser útil no começo, mas chega uma hora que você precisa investir um valor muito maior para alcançar mais pessoas. Então este recurso já deixa de ser útil depois de um tempo.

É para isso que existe o Facebook Business, um recurso que vai além dos já utilizados.

Como funciona

Para utilizar o Facebook Business a primeira coisa, (e mais óbvia) é você ter uma empresa, não importa o porte, e informar o que você precisa (isso também vale para pessoas que trabalham como freelancers):

O que você precisa?

  • Reconhecimento de marca?
  • Alcance de público?
  • Tráfego?
  • Envolvimento?
  • Instalação do aplicativo que possui?
  • Visualizações dos vídeos que enviou?
  • Geração de cadastros? (muito útil para e-commerce)
  • Conversações? (ações na sua página, como por exemplo ‘ligue agora’, ‘compre agora’ etc.)
  • Venda do código de produtos?
  •  Visitas ao estabelecimento? (para pessoas que possuem muitos pontos comerciais)

Às vezes precisamos de todos esses recursos listados acima, mas você terá de escolher um, então escolha com sabedoria, pois deverá ser aquele que você mais precisar.

Importante*:

Este post é apenas uma introdução dos recursos avançados do Facebook. Faremos um tutorial mais detalhado para te ajudar passo-a-passo para fazer as configurações dessa etapa, pois ela é mais complexa e exige mais atenção. Se você entende e sabe como configurar, continue seguindo as etapas do processo. Caso você não saiba o que está configurando, é melhor não configurar nada ainda, vamos te ensinar melhor num tutorial futuro.
Ao escolher o modelo do recurso desejado, o Facebook vai criar um modelo de anuncio baseado na sua escolha.

Então o Facebook vai “refinar” o público com base nas suas configurações. Você clica em ‘Continuar’ ao terminar todas as configurações*.

 

Central de Criativos

A Central de Criativos do Facebook é um local onde a criatividade pode fluir e você pode criar publicações além dos modelos convencionais. Esse diferencial na publicação é mais atraente para o público, pois foge justamente daquilo que as pessoas estão acostumadas a ver. Com estes recursos, somado a sua criatividade de anunciar sua marca, você terá mais chances de  ter uma maior quantidade de curtidas na página, sem ter que gastar R$500 para impulsionar uma publicação que alcançará 100 pessoas.

Hoje em dia, as pessoas não usam tanto o computador Desktop para acessar a internet como antes. Com a popularidade dos Smartphones a rede social tem mais acessos tanto pelo celular quanto pelo computador em si. Por isso, a empresa está desenvolvendo formas para se adaptar às pequenas telas.

Confira abaixo os anúncios focados para Smartphones e como eles funcionam:

Anúncio em carrossel

Como o nome já diz, as imagens do seu anúncio se comportam como o efeito carrossel. Quando você visualiza um anúncio desse tipo, uma série de imagens sequenciais são exibidas da direita para a esquerda, num intervalo de tempo, sem que você precise movimentar o dedo.

Ou seja, é exibida a Imagem 1 <- Imagem 2 <- imagem 3 e assim por diante.

 

Anúncio Canvas

Esse formato de anúncio pode ser feito em imagens ou por vídeo, pois ele é exibido em tela cheia. Para obter maior performance é melhor usar um vídeo curto para apresentar sua marca ao usuário.

 

Anúncio 360°

Aposto que você já deve ter visto em algum momento o anúncio 360°. Trata-se de um anúncio no formato 16:9 cujo o usuário pode visualizar o ambiente em 360 graus a partir de um ponto definido pelo anunciante. Para fazer isso você tem de montar uma imagem panorâmica de cima e de baixo de onde você está.

 

Anúncio em Vídeo

O Anúncio em vídeo depende de como o mesmo foi construído e/ou editado. Use sua criatividade, use editores mais poderosos e mantenha um foco em um vídeo com menos de 1 minuto. Lembre-se que as pessoas não tem todo o tempo do mundo para ficar assistindo propagandas. Seja objetivo, apresente sua marca, o que ela é e o que seu cliente pode ganhar com isso.

 

Anúncio em Vídeo com Link

Você pode fazer um vídeo como já explicado acima, mas a diferença é que neste caso a pessoa pode continuar assistindo o seu vídeo no Facebook ao mesmo tempo que navega no seu site, por exemplo.

 

Anúncio em Apresentação Multimídia

Parecido com o modelo Carrossel, aqui você envia uma série de imagens que tem um tempo curto de transição, mas as imagens são simplesmente trocadas sem nenhum efeito.

 

Instagram

Não se esqueça de que o Instagram também pertence ao Facebook, portanto os modelos de anúncios mostrados acima também se aplicam a esta rede social.

 

Qual modelo escolher?

Todos os modelos são gratuitos para uso, mas a ideia é fazer uma publicação com os modelos apresentados acima, para depois impulsioná-la.

Você pode criar o mesmo anúncio em todos os modelos acima e pode escolher qual achar melhor. Dependendo da sua marca, alguns modelos são mais eficazes que outros. Leve em conta o nicho do seu trabalho ou empresa, e escolha o modelo que melhor satisfaz suas necessidades, chame a atenção do público e ainda use a criatividade.

Acompanhe as atualizações desse blog pois muito em breve faremos um tutorial para você acompanhar como obter um maior desempenho com anúncios ao usar o Facebook Business.

 

Links úteis

O poder do marketing e sua força na internet

Vai criar sua loja virtual? Saiba como fazer isso

A importância do Feedback

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *