A geração das comunicações, qual o seu impacto?

Estamos presenciando como nunca a conectividade com pessoas e informação. Esta é uma era onde a informação se espalha muito rápido, somente pelo simples fato de todas as tecnologias lançadas agora estarem conectadas a internet, sendo conhecida como geração das comunicações.

Temos Smartphones, computadores desktops, notebooks, televisões, tablets, videogames, e as tecnologias mais novas como os relógios e óculos inteligentes. Praticamente tudo a nossa volta tem um meio de se conectar. Mas, o que isso tudo significa?

Significa que agora todas essas informações estão circulando pela internet, havendo mais pessoas conectadas e no futuro, a tendência é que isso aumente cada vez mais. Desta forma, como isso nos impacta?

Apesar da grande conectividade trazer grandes benefícios, como o de por exemplo, poder conversar com um amigo distante sem dificuldades, essa mesma conectividade pode nos impactar negativamente se não soubermos lidar com essa nova realidade.

A falta de privacidade, como resultado da crescente tendência de coleta de informações pelas redes sociais e seu uso por terceiros, muitas vezes não consensual, é um fator que frequentemente nos deparamos.

Outro ponto é sobre o ambiente de trabalho. Tempos atrás,  pensávamos que os computadores nos economizariam trabalho. De fato eles o fazem, porém, devido ao uso de celulares, pagamos um preço, levando mais trabalho para fora do escritório. Isso pode levar a conflitos familiares e agravar problemas de estresse.

Sabendo disso, devemos buscar tirar proveito do que a tecnologia nos oferece, mas sempre devemos estar atentos a realidade que isso nos proporciona. As coisas mudam e evoluem muito rápido, nem da tempo de respirar, somos bombardeados de novas informações e nem nos damos conta do que está acontecendo ao nosso arredor.

A geração das comunicações é aonde as informações circulam muito rápido, onde é muito fácil para alguém encontrar aquilo que procura através das ferramentas de buscas. Contudo, isso está fazendo termos mais controle do nosso arredor ou  está limitando o nosso prensamento crítico, fazendo que sejamos apenas telespectadores da grande quantidade de informação que nos deparamos?

Veja também:

2015: o ano para mudanças
As suas senhas usadas na internet são fortes?

Enrico Prenholato

Com paixão pela tecnologia e compartilhamento de informação idealizou a criação desse blog. Seu objetivo é compartilhar suas experiências de forma simples e didática aos seus leitores. Profissionalmente realizou cursos de informática, Hardware, Inglês e TI.