fracasso

Por quê você vai desistir do seu blog?

São tantos blogs no mundo inteiro que é de perder as contas de quem chega ao sucesso e de quem fracassa. Jogar um blog fora é jogar tempo fora, em alguns casos dinheiro, esforço, valorização, etc. É triste ver um blogueiro desistir de suas ideias. Jogar tudo isso fora no meio do caminho e depois voltar tudo de novo, isso se a pessoa voltar a ter inspiração novamente.

Desistir é um erro que muitas pessoas cometem, principalmente em blogs. Tudo bem que em blogs, as vezes é possível desfazer a exclusão e continuar de onde parou, dependendo do caso. Mas o tempo gasto da vida, isso não é perdoado.

Vai desistir? Então você está no caminho certo

Como disse anteriormente, desistir é um erro que muitas pessoas comentem. Mas todos nós somos seres humanos e cometemos erros. Como diz a velha frase, “errando que se aprende” desistir do seu blog pode ser a única maneira de você reconhecer o que você perdeu.

Cometa quantos erros for, mas não cometa esses erros de propósito, tente fazer um esforço, dedicar-se ao seu blog, até que você fique satisfeito com ele. Blogs não são brincadeiras, blogs são um jeito de você se apresentar para o público o que você pensa. Uma hora você vai pegar o jeito e vai continuar com aquele blog que você gostou.

Eu excluí um blog que poderia ser sucesso hoje!

Se você fez um blog no passado e excluiu, mas depois soube que muitas pessoas próximas de você acessavam seu blog, da vontade de voltar no tempo e continuar de onde parou. Mas essa possibilidade não existe. Quanto ao seu velho blog que não tem jeito de ser restaurado, o jeito é sentar e chorar.

 

O que foi, foi, e o que ainda vai ser, será. Se você se arrependeu de ter excluído o velho blog porque sabe que com ele hoje, ele poderia ser o maior sucesso, não se desanime. O jeito é recomeçar do zero.

Mas ao invés de refazer o caminho que você fez no passado, faça algo novo. Se você desistiu daquele blog foi por algum motivo, e se você refazer do mesmo jeito que fez no passado, lembrará do motivo da desistência outra vez e cometerá o mesmo erro de novo.

Julgue a si mesmo ao invés do blog

Independente do que o público pensa, faça o seu blog, com a sua cara da suas preferências, para que você se sinta acomodado. Faça algumas perguntas para você mesmo antes de continuar com o blog:

  • Você considera-se experiente? Se você criou m blog de nicho, é porque você tem experiencia e gosta daquele assunto. Você não necessariamente precisa ser um profissional qualificado, mas sim ter o conhecimento sobre o seu tema para ensinar aos seus leitores.
  • Você tem uma boa escrita? Escrever bem faz parte de um blog profissional. Fazer redações para treinar sua escrita é fundamental para melhorar sua experiencia em escrever. Leia um pouco sobre: Seja o mestre da postagem e conquiste visitas
  • Você é persistente? Não se faz um blog sem persistência. Escrever em um blog é algo de longo prazo e só você pode escolher quando quer parar ou continuar.
  • Você sabe o que escrever em seu blog? Se você escolheu aquele nicho, e não tem ideia do que postar, é um mal sinal. Você sempre deve buscar pela internet o que acontecendo no seu nicho, para sempre manter-se atualizado. Se você não segue essas noticias, você não tem assunto. Leia mais sobre: Alguém procura por uma ideia
  • Você conhece o mundo dos blogs? Ainda não? Pois já é hora de começar a aprender. Todo o blogueiro, não importa qual seja seu nicho, tem que saber o básico sobre o mundo dos blogs, que é exatamente o que foi falado acima. Acompanhar um blog de dicas e tutorias sobre como criar blogs é algo que todo o blogueiro deve fazer, ainda que seja apenas um, para entender o que está rolando neste mundo virtual.

É muito importante manter-se atualizado no seu conteúdo para sempre ter algo novo para compartilhar com seus leitores. Melhor ainda, se esse seu conteúdo é original. Não se culpe pelos erros no blog do passado, não fique desanimado com sua nova criação, procure sempre ir melhorando o que já tem, sem excluir nada. Valorize seu blog, pois mesmo que nenhum conteúdo do seu blog não seja original, (feito por você) uma coisa será, que é o seu blog.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *