Para aquelas pessoas que possuem uma hospedagem com o cPanel, se disponível (pois depende do seu plano, algumas configurações podem estar restritas) existe um recurso chamado Domínio de Complementos. Mas do que se trata?

O cPanel possui vários recursos, cada um é específico para uma situação. Este recurso chamado Domínio de Complementos serve para você gerenciar domínios adicionais no mesmo plano de hospedagem

Vá no cPanel, caso tenha acesso, e na seção “Domínios” procure por esse recurso. Algumas hospedagens permitem apnas 1 domínio adicional, outras 2, 3, enfim, depende do seu plano.

A quantidade de domínios disponíveis nesse recurso irá dizer quanto domínios adicionais você poderá usar na mesma hospedagem.

Por exemplo, vamos supor que você quer registrar 3 domínios diferentes, cada um completamente independete, como um blog, um portfólio e um e-commerce.

Mas em vez de criar um plano de hospedagem para cada um desses domínios adicionais, você utiliza a mesma hospedagem para gerenciar os três ao mesma tempo.

O mais legal desse recurso é que você realmente pode ter sites completamente diferentes, com conteúdos diferentes.

É diferente, por exemplo, dos subdomínios, que geralmente possui uma quantidade muito maior de domínios. Embora possam ser tratados como sites completamente diferentes, estão numa subcategoria do domínio principal.

Um subdomínio não precisa ser regisrado. Basta você criar um subdomínio com o nome que quiser, e começar a usar.

Subdomínios tem esse formato de endereço: curso.meusite.com / loja.meusite.com / forum.meusite.com etc.

Um Domínio de Complementos te dá a possibilidade de gerenciar outro domínio (desde que esteja registrado) como por exemplo: meusite.com (será registrado como domínio principal) outrosite.com, maisumsite.com.br exemplodesite.net.

No seu diretório o site principal estará na pasta public_html, os demais terão seus próprios diretórios. Ou seja, para eles funcionarem, não precisam necessariamente estar dentro da pasta public_html.

O que é ainda melhor, assim seu diretório public_html não vira uma salada de fruta de domínios.

É importante que você saiba organizar esses diretórios para não ficar confuso quando você acessar o Gerenciador de Arquivos.

Se você quiser criar um outro blog com o WordPress, você poderá utilizar esse recurso. Primeiro, registre o seu domínio. Depois, siga os passos da criação de um blog no WordPress, onde você precisa criar um banco de dados, enviar os arquivos do WP para o diretório que será criado, criar as tabelas no phpMyAdmin enfim, todos os passaos parar criar um blog no WordPress.

Caso você queira criar apenas um site, basta enviar os arquivos CSS e HTML (ou outra linguagem se houver) e você já verá o site funcionando ao digitar o domínio.

Como criar um outro site dentro da mesma hospedagem

Vou ensinar alguns passos para você seguir ao criar um site adicional. Confira:

Primeiro: acesse o Domínio de Complementos na hospedagem.

Segundo: digite o domínio que você quer usar, como mostrado na imagem. Após digitar o domínio, o cPanel automaticamente preenche os outros campos.

Feito isso você verá o primeiro domínio na lista. Se você adicionar mais domínios, mais sites serão adicionados, até chegar no limite disponível na sua hospedagem.

Feito isso, o cPanel criará um diretório no Gerenciador de Arquivos. Qualquer arquivo que você adicionar lá irá fazer parte do novo site. Se você quiser criar um outro WordPress, você deverá seguir os passos para criar um site WordPress, irá precisar criar um banco de dados com uma tabela, adicionar um usuário para essa tabela, fazer o upload da versão mais recente do WordPress, enfim. Saiba mais nesse link onde explico como criar um site WordPress.

Caso você já saiba mexer no Gerenciador de Arquivos com facilidade, se você já tem um site WordPress instalado na public_html, basta copiar e colar os arquivos do wp para o novo diretório.

Depois não se esqueça de criar o banco de dados e copiar e colar as tabelas do wp na nova tabela e seu site já estará pronto :)

Observação: ao copiar e colar uma tabela do wp já existente, lembre-se que os posts, plugins e outros tipos de conteúdos também serão copiados. É como se você clonasse seu site existente. Mais aí você pode apagar as configurações e fazer o site do seu jeito.

Agora você terá dois WP para gerenciar, e ainda melhor: o dinheiro gasto será só para o registro do domínio do novo site. Divirta-se!

Não deixe de Compartilhar!
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    1
    Share